madreclelia.org
Comunicado Importante
Matrículas 2021

Institucional

A tradição e a busca rigorosa pela qualidade são algumas das características presentes na sociedade curitibana que encontram eco nos espaços do Colégio Sagrado Coração de Jesus, Unidade Educacional do SAGRADO - Rede de Educação em Curitiba/PR.

Fundado e mantido desde 1915 pelas Irmãs Apóstolas do Sagrado Coração de Jesus, vindas da Itália, há 100 anos o Colégio vem oportunizando uma formação ética e cristã, que contribui com o desenvolvimento cívico, intelectual e espiritual dos seus educandos. A inauguração oficial ocorreu em 1918, mas desde o seu inicio foi visto como escola-modelo, por formar e educar com eficiência. Por aqui já passaram inúmeras pessoas que levam consigo a marca dos princípios clelianos da “educação que passa pelo coração”.

Avenida Iguaçu, 1550 – Água Verde – Curitiba/PR – CEP 80240-031. Telefone/WhatsApp: (41) 3112-9300


Logo Sagrado

A HISTÓRIA DO COLÉGIO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS

As Irmãs Apóstolas do Sagrado Coração de Jesus, recém-chegadas da Itália, com auxílio do consulado italiano, iniciaram, em meados de 1904 a 1910, uma obra educativa, no bairro Água Verde, com o objetivo de proporcionar ensino aos imigrantes italianos.

Iniciaram os trabalhos com 10 irmãs de forma modesta, em uma casa paroquial, limitando-se, unicamente, ao Ensino Primário. Fazia parte da comunidade fundadora a Irmã Laura Orsini, que era diretora e superiora, Irmã Aquilina Caprice, Irmã Pierina Lazzarini, Irmã Francisca Paulin, Irmã Anna Festa e Irmã Cecília Maestrelli. Enquanto se construía o Colégio Sagrado Coração de Jesus, as Irmãs passaram a residir em uma modesta casa alugada na Av. Iguaçu.

Em 1918, o Colégio Sagrado Coração de   Jesus passou a  funcionar no novo prédio,   em um bloco de dois andares,    construído na espaçosa Av. Iguaçu, ponto   tranquilo da cidade, com muita área verde,   ausência de ruídos, em um grande    terreno  com amplo pátio, salubre e   servido  por linhas de bondes e   autolotação, a organização interna dos   alunos era com internato, semi-internato e    externato. O programa curricular era o   mesmo que o da Itália, com o acréscimo   do ensino da Língua Portuguesa, da História e da Geografia do Brasil. As Irmãs lecionavam, também piano, violino, acordeom, pintura e trabalhos manuais.

Construído visando ser uma casa de formação modelar e devido à eficiência de seus métodos de ensino, o Colégio atingiu um notável desenvolvimento. No começo era misto, voltado ao ensino primário, mas com o passar do tempo tornou-se um colégio feminino. Em, 1938, teve início o curso secundário e sucessivamente os cursos: Normal, Científico, Clássico, Secretariado, Contabilidade e outros. E voltou a ser um colégio misto, como na sua origem.

Após anos de intensa atividade e relevante parcela de trabalho educacional na Comunidade Curitibana, mantém cursos regulares dentro de uma proposta pedagógica que contempla a Educação Infantil, Ensino Fundamental, Médio, Curso de Formação de Docentes, Integral e o Pré-Vestibular.

  Em 2018 completamos o Centenário de uma história de determinação, coragem e generosidade, que temos como missão oferecer uma educação acadêmica e cristã, que assegure a formação de cidadãos reflexivos, autônomos, éticos, criativos, solidários e socialmente  responsáveis.

Pelo fecundo trabalho realizado, nesses 100 anos de história do  atuante e imponente Colégio Sagrado, louvamos o Coração de   Jesus que sempre nos acompanhou a cada dia. Suplicamos à   Madre Clélia que, no ano de sua beatificação, derrame suas  bênçãos a toda Comunidade Educativa e famílias que fazem  parte dessa linda história.

 

Linha do tempo – 100 anos de história!

Década de 20

1918 – Irmã Laura Orsini, a primeira Diretora.

Instalação e progressiva ampliação do internato, externato e seminternato.  No Colégio Sagrado, ainda em seus primeiros anos de vida, a diretora e Superiora era a Irmã Laura Orsini, que fundou a Unidade com outras 9 Irmãs.  Neste período, o programa abrangia cursos de aperfeiçoamento em ciências, letras, música, bordado e trabalhos manuais.  Em 3 de outubro de 1938, o Colégio obteve licença para funcionamento do curso primário.  Com a preocupação em aprofundar mais o ensino, em 15 de janeiro de 1938, teve início o curso ginasial.

Década de 40

Em 9 de abril de 1942, o estabelecimento ficou autorizado a funcionar como Colégio Sagrado Coração de Jesus, passando a ter os Cursos Clássico e Científico. Em 17 de março de 1943, recebeu autorização definitiva para funcionamento do Curso Científico, sob o regime de internato e externato, para o sexo feminino.  Em 1946, aconteceram muitas mudanças inaugurada a Capela do Colégio, projetada pelo Engenheiro João de Mio. O Colégio pediu autorização ao Governo do Estado para funcionamento do Curso Normal. Teve início o Jardim de Infância. Nesse ano contava com 116 alunas Internas. Aconteceu a ampliação do prédio, inauguração da Capela e Salão Nobre.


Década de 50

Em 1952, o Colégio tinha 113 alunas internas e contava com três Inspetores Federais o Dr. Oswaldo Nascimento Bittencourt, o Sr. Hélio Amaral Camargo e a Sra. Helena Kolody.  Em 2 de maio de 1956, o Colégio Sagrado Coração de Jesus adquiriu personalidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, beneficente, filantrópicos e de assistência social, voltada para a educação e amparo da infância e da adolescência.

Década de 60

Em 13 de março de 1969, o Colégio Sagrado Coração de Jesus passou a oferecer o curso técnico em Secretariado, de nível Médio, autorizado pelo Diretor de Ensino Comercial Dr. Rubens Baptista de Oliveira e atendendo a preferência pelo curso profissionalizante. Além das disciplinas básicas, o curso dispunha de aulas de Contabilidade, Estenografia e Datilografia.  Para funcionamento do Curso Técnico em Secretariado, foi adaptado, na planta do Colégio, um Escritório Modelo e um Gabinete Mecanográfico. O curso foi extinto em 1984 e o Colégio formou 14 turmas de Secretariado.

Década de 70

Nos anos de 73 a 79 acontecem as reformas das grades curriculares e a conversão do curso de laboratórios Médicos para Análises Clínicas. Novas instalações da Biblioteca, do parque infantil e da quadra de esportes, sem contar nos diversos eventos educacionais da época. Em 1971, o secretário de educação e cultura Nelson Luiz Silva Fanaya, autoriza o funcionamento da escola de Datilografia Sagrado Coração de Jesus. m 1974, o Governador Emílio Gomes autoriza o funcionamento do 1º e 2º Graus.

Década de 80

Em 1980, após a reforma da Grade Curricular, o Curso de Laboratórios Médicos converteu-se em curso de auxiliar em patologia clínica, extinto em 1984. Nessa década tivemos, também: o curso de datilografia e curso propedêutico.  Em 1984, realizada a construção do miniginásio de esportes. A clientela era feminina e contava com mais ou menos 1.500 alunas entre 2 a 20 anos.  De 1982 a 1986 tivemos o curso adicional para Formação do Professor.

Década de 90

Nessa década ocorre a mudança do uniforme escolar.  A partir de 1991, na Educação Infantil teve início o maternal.  Em 1994, sob a direção da Irmã Lucila Cella, o Anfiteatro sofreu grande reforma tornando-se um espaço confortável, com capacidade para 500 lugares. A conclusão das obras deu-se em 29 de agosto de 1995 e a inauguração em 21 de setembro de 1995. Em 1996 acontece a grande mudança, o Colégio, tradicionalmente feminino, passou a receber matrículas de meninos.

2000

No dia 2 de agosto de 2002, sob a direção da Irmã Maria Zorzi, foi inaugurado o Complexo Esportivo-Cultural com uma área de aproximadamente 12 mil metros quadrados distribuídos em quatro andares, possuindo três quadras poliesportivas, Ginásio de Esportes, estacionamento, Biblioteca com 1200 metros quadrados contendo Gibiteca, Biblioteca Virtual, Biblioteca Infantil, Centro de Estudos-Pesquisa e Leitura, um andar somente para leitura e uso de Internet on-line 24 horas, Sala de Convivência, ampla Praça de Alimentação, Salão de Festas para aniversários e eventos, hall de exposições, salas especiais para xadrez, judô, ginástica rítmica, ballet, jazz, artes e música, playground.


2010

As transformações e as mudanças ocorreram, também, nas escolas do Instituto, antes faziam parte do Centro Integrado de Educação Sagrado Coração - CIESC e no ano de 2010 tendo como prioridade a total excelência de uma educação plena, passaram por uma grande reestruturação e unificação passando-se a chamar de SAGRADO- Rede de Educação.  A Unidade Educacional passou por uma revitalização em seu prédio na parte interna e a reforma das salas da Educação Infantil com um novo perfil.  Aguarda-se ansiosamente a aprovação do processo de Beatificação de Madre Clélia Merloni.

2018

Implantação do Período Integral para educandos do Infantil IV ao 5º ano.  Implantação do Pré-Vestibular no período da tarde.  Celebra-se o Centenário do Colégio e revitalização da fachada do prédio, com cores novas de acordo com a identidade visual do SAGRADO – Rede de Educação.  Em 27 de janeiro desse ano, a grande e tão esperada notícia da Beatificação de Madre Clélia Merloni, anunciada pelo Papa. 



AS DIRETORAS DO COLÉGIO

1918 – Irmã Laura Orsini, a primeira Diretora

1938 – 1946 - Irmã Melania Galli, durante 9 anos

1947 – 1950 - Irmã Melania Galli e Irmã Verônica Sbríssia, durante 4 anos

1951 – 1955 - Irmã Clara Milani, durante 5 anos

1956 – Irmã Maria Amélia Guaraciaba

1957 – Irmã Elisia Scurato

1958 e 1959 - Irmã Ludovica Luca

1960 – 1963 - Irmã Maria Cristina Sbeghen, durante 3 anos

1964 – 1972 - Irmã Elvira Nathalina Nichele, durante 9 anos

1973 – 1974 - Irmã Maria Josefina Suzin

1974 – 1979 - Irmã Thereza Paulin, durante 6 anos

1980 – 1985 - Irmã Fernanda Sbríssia, durante 6 anos

1986 – 1990 - Irmã Maria Zorzi, durante 5 anos

1991 – 1999 - Irma Lucila Cella, durante 9 anos

2000 – 2006 - Irmã Maria Zorzi

2006 -  2007 - Irmã Neli Faccin

2007 -  2011 - Irmã Arlene Ferrari

2012 - 2013 - Irmã Alessandra Silva de Assis

2013 - 2014 - Irmã Luciane Taffarel Gomes

2015 até 30/06/2017 - Irmã Marinês Tusset

De 03/07/2017 até a presente data, Patrícia Viviane Pereira de Almeida na Direção Pedagógica e Irmã Marinês Basso na Direção Administrativa da Unidade.

 

SECRETÁRIAS

1938 - Irmã Francisca Paulino

1939 – 1947 - Irmã Affonsina Ribeiro, durante 9 anos

1948 e 1949 - Irmã Aurora de Souza

1950 – Irmã Angélica Mazzarotto

1951 e 1952 - Irmã Laura Assis de Oliveira

1953 – 1967 - Irmã Hélia Pereira, durante 15 anos                   

1968 – 1987 - Irmã Irene Cavassin, durante 20 anos

1988 – 1992 - Irmã Cleide Conceição Casagrande, durante 5 anos

1993 - Irmã Elza Conte

2008 - 2017-  Irmã Madalena Peixoto 

2017 - 2019 - Irmã Rosemary Soares

2019 até a presente data – Josiane Silva


Texto de Patrícia Viviane Pereira de Almeida com referências de:

  • Relatório de Inspeção Permanente – Ginásio Sagrado Coração de Jesus (1941);
  • Relatório de Inspeção da Escola Normal o Sagrado Coração de Jesus (1946);
  • Relatório de Inspeção Permanente – Ginásio Sagrado Coração de Jesus (1952);
  • Relatório Anual Ginasial e Científico (1967);
  • Relatório do Curso Técnico de Secretariado (1969);
  • Plano de Implantação de Ensino de 1º Grau (1972);
  • Histórias do Coração – Educação Comemorativa dos 80 anos do Colégio;
  • Gazeta do Povo – Edição Especial de 27 de abril de 1998;
  • Apóstolas do Sagrado Coração de Jesus – Revista Edição Comemorativa de 100 anos no Brasil;
  • Revista Success – Ano IV, Nº 22.